escritorafátimacoelhosoar.net
Poesias,Contos Românticos e Sonetos."A alma de uma contista".
CapaCapa
Meu DiárioMeu Diário
TextosTextos
ÁudiosÁudios
E-booksE-books
FotosFotos
PerfilPerfil
Livros à VendaLivros à Venda
Livro de VisitasLivro de Visitas
ContatoContato
Textos

Romance Lisboa Portugal
ena lisboeta: Dentro do táxi, comento com o motorista, frio hoje né? Ele: 8 graus pela manhã foi demais, aguarde que depois do dia 11 de novembro, dia de São Martinho, o frio vem para ficar. Eu, cá com os meus botões - ai moço vou embora, ver minha praia -.....hehehehe................
História de São Martinho
Martinho de Tours foi um militar, monge, bispo e santo católico, nascido a 316 e falecido a 397. A lenda de São Martinho conta que certo dia, um soldado romano chamado Martinho, estava a caminho da sua terra natal. O tempo estava muito frio e Martinho encontrou um mendigo cheio de frio que lhe pediu esmola. Martinho rasgou a sua capa em dois e deu uma metade ao mendigo. De repente o frio parou e o tempo aqueceu. Este acontecimento acredita-se que tenha sido a recompensa por Martinho ter sido bom para com o mendigo.A tradição do Dia de São Martinho é assar as castanhas e beber o vinho novo, produzido com a colheita do verão anterior.
Por norma, na véspera e no Dia de São Martinho o tempo melhora e o sol aparece, tal como sucedeu com São Martinho. Este acontecimento é conhecido como o Verão de São Martinho.
São Martinho tornou-se no padroeiro dos mendigos, alfaiates, peleteiros, soldados, cavaleiros, curtidores, restauradores e produtores de vinho.
escritorafatimacoelhosoar
Enviado por escritorafatimacoelhosoar em 25/05/2017
Copyright © 2017. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.


Comentários