escritorafátimacoelhosoar.net
Poesias,Contos Românticos e Sonetos."A alma de uma contista".
CapaCapa
Meu DiárioMeu Diário
TextosTextos
ÁudiosÁudios
E-booksE-books
FotosFotos
PerfilPerfil
Livros à VendaLivros à Venda
Livro de VisitasLivro de Visitas
ContatoContato
Textos

Romance família
Minha terra fica logo alí, onde o vento leva a brisa por debaixo dá camisa, num movimento suave o sol quente joga os raios que faz o suor pingar.
Minha terra é vermelha, igual a pele da gente,só quem é de lá sabe que não tem quem aguente porque o sol é tão quente que queima os coro dá gente.
Mas eu gosto dá minha terra,foi ela que eu tive a oportunidade de trabalho pro meu pai me cuidar e me criar, de estudar e me formar e trabalhar.Foi com muita dificuldade que me criei neste lugar.
De vez en quando eu vou lá, passar uma temporada é uma pena que eu tenha que voltar.Porque o trabalho me chama, DEPOIS DOS 50 Eu tenho que trabalhar.
A MINHA TERRA. E TÃO BOA MAS não QUIS ME VAPORIZAR.
Por aqui eu vou parar.
Eu não quero prosseguir para em detalhes eu entrar.
Essa história é tão longa que posso até, capítulos de uma novela criar e a alguém .E tantas coisas pra contar um livro eu vou publicar.
Eu sou autora, quem pode de mim duvidar?
escritorafatimacoelhosoar
Enviado por escritorafatimacoelhosoar em 06/06/2017
Copyright © 2017. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.


Comentários